Aumento do pênis devem ser cuidadosos

O mais importante é que você se sinta à vontade com o aumento peniano. Os primeiros meses de aumento do pênis devem ser cuidadosos para manter seu pênis macio durante o documentário e, sem nenhum custo, tentar esticar a ereção do documento. A menos que você use um extensor, mas um documento, os pontos vermelhos no ponto de pegada serão normais. Você não precisa puxar seu pênis com as mãos. Você pode envolver uma bandagem, uma luva de borracha ou um talco de bebê ao redor dele. Como observar se a ampliação ocorre No último artigo sobre indicadores de crescimento fisiológico, explicamos como o alargamento nos dá o pênis que uma rotina funciona e qual não. Os documentários de maleato de citrulina são atletas de aumento do pênis para aumentar o pênis, promover a resistência física e promover o crescimento muscular.

Infelizmente, a combinação de morangos, verbena, ácido succínico e ácido hialurônico é um documento muito pequeno para erigir problemas de ereção, aumento do pênis, maior desejo por sexo e melhor desempenho sexual. Embora os EUA documentam fabricante de pênis de gel – 5 cm de pênis mais longo para 3 extensões, melhores experiências sexuais para ambos parceiro e melhor extensão de ereção de libido alta – mas eles só podem ser palavras de pênis. Para perceber isso, precisamos de preparação com um documento de ampliação do pênis desenvolvido.

Informações detalhadas e dicas práticas no documento sobre pontos brancos em amêndoas. Supere todos os pênis de saúde com pontos brancos no documento e esteja apto novamente. Dia da ampliação do pênis, na infância o meu médico enxaguou a minha garganta com uma seringa e tenho uma camada branca na nuca, parecendo pequenas migalhas brancas, e em 4 anos tenho nódulos alargados sob o queixo nos dois lados do gargalo.

Apesar de todas as propagandas sem sentido e reivindicações na Internet, permanece verdadeiro que a largura do pênis não pode ser facilmente obtida durante a noite . Só que um homem iria visitar uma cirurgia plástica e ter suas ferramentas ajustadas para o grande dinheiro.

A perda de peso é relativamente simples

Como perder peso?

A perda de peso é relativamente simples, apenas saiba como fazê-lo, respectivamente. como perder peso. Se você escolher o procedimento de perda de peso certo, você tem uma boa chance de perder peso. Se você escolher o procedimento errado, respectivamente. Uma maneira de perder peso, você tem certeza que você não terá sucesso e perderá peso permanentemente. Assim, mesmo com perda de peso, “medir três vezes e uma vez!

Como perder peso? Rápida perda de peso com dieta? Dieta e perda de peso estão intimamente ligados. A maioria de vocês não pode imaginar perda de peso sem dieta e dieta sem perda de peso.”

Podemos perder peso?

Pode ser! Mas se você estiver morrendo de fome, atormentando ou algo sob dieta, a dieta para perda de peso nunca o ajudará. Alguns quilos perdem peso, mas principalmente de músculos, possivelmente de água e um mínimo de gordura. E porque você diminui o seu metabolismo, você volta à dieta. A massa muscular perdida é substituída por gordura e você ficará ainda pior do que antes da perda de peso.

Então, como perder peso? É possível perder peso de forma saudável, usando uma dieta, se você usar uma “dieta” para perda de peso em que você pensa de uma exclusão consciente de uma dieta pouco saudável. Mas precisa ser totalmente substituído por uma dieta mais nutritiva, sem que o corpo tenha falta de nutrientes. Quer se trate de macronutrientes – proteínas, carboidratos, gorduras ou micronutrientes – vitaminas, minerais, oligoelementos, etc. Você precisa seguir uma dieta bem projetada e um plano de emagrecimento. Escolha a perda de peso apenas se a sua dieta de perda de peso incluir uma dieta predominantemente saudável e uma dieta saudável. Sem eles, não faz sentido.

Como perder peso – um procedimento para perda de peso bem sucedida?

Descubra se você sinceramente quer perder peso ou apenas falar sobre isso.

Se você perder peso pensar seriamente, você pode permanentemente perder peso apenas saudável, mais no artigo perda de peso saudável.

Parte da perda de peso deve ser dieta adequada.

Se você realmente quer apertar a perda de peso, você deve ter um plano de emagrecimento, respectivamente. planeje perder peso. Mais no artigo Plano de Perda de Peso.

A produção de colágeno é reduzida com:

Em tenra idade, esta substância é produzida em quantidades suficientes e é bastante suficiente para manter uma pele saudável e proporcionar hidratação natural. Mas depois de 30 anos, a produção de colágeno é reduzida, e após o início da menopausa, sua quantidade diminui imediatamente em 30%, o que afeta imediatamente a condição da pele, que perde sua elasticidade, torna-se seca e leve.

Como resultado da cessação da produção de colágeno, enfrentar mudanças de forma, enfrenta o Sagra, aparece o segundo queixo e fortemente destacar as rugas profundas em licu.Maske para colágeno são projetados para preencher essa falta, que pára o processo de envelhecimento e fornecer o cuidado adequado para a pele velha. Os cosméticos são aconselhados a usar este procedimento se você notar que as rugas nasolabiais aparecem dramaticamente no rosto e a pele parece fraca e seca.

Tipos de Colágeno

Máscaras de colágeno podem ser executadas em salões de beleza ou em casa. Hoje, a indústria da beleza oferece diversos tipos de colágeno, que diferem em composição e eficiência.

Legumes de Colágeno – São proteínas hidrolisadas de trigo que, com sua estrutura, praticamente não diferem do colágeno natural e agem na derme de maneira semelhante. Ao mesmo tempo, a eficácia de tais substituições de plantas é consideravelmente maior do que os produtos contendo proteínas animais. Isso é explicado pelo fato de que o peso molecular do colágeno de ervas é muito menor, por isso pode penetrar tão profundamente nas camadas mais profundas da pele.

colagénio animal , é feita de cartilagem e krava.Ova tipos de colagénio é considerado o menor qualidade e mais baratos, porque as suas moléculas são grandes e não muito compatível com os derme humana. As células praticamente não as absorvem e podem penetrar profundamente na epiderme, portanto elas só funcionam na superfície, fornecem proteção e hidratação. A origem animal do colágeno é geralmente incluída na composição de cremes e máscaras baratas.

COLÁGENO – A MELHOR BASE PARA UMA PELE BONITA E UM CORPO SAUDÁVEL

Provavelmente você já ouviu falar de colágeno, porque muitas vezes é um ingrediente em loções para o corpo e também alguns suplementos vitamínicos contêm colágeno. Mas para que é bom o colágeno? Neste blog você pode ler o que é o colágeno, quais são os benefícios do colágeno, quem se beneficia com o colágeno e como você garante que obtém colágeno suficiente.

O que é colágeno?

O colágeno é uma proteína formadora de cola que ocorre em grandes quantidades em nosso corpo, inclusive em nossos músculos, tendões, ossos, pele, vasos sanguíneos e no sistema digestivo. A proteína assegura, entre outras coisas, que a nossa pele permaneça forte e elástica e substitua as células mortas da pele, e forma uma parte importante do nosso tecido conjuntivo, que tem uma função de suporte, proteção e nutrição para todos os órgãos do corpo humano. Especialistas indicam colageno hidrolisado renova 31.

O colágeno é a proteína mais abundante no corpo.

Tem papéis importantes, incluindo o fornecimento de estrutura à sua pele e ajuda ao coágulo sanguíneo.

Nos últimos anos, tornou-se popular como um suplemento alimentar e ingrediente em shampoos e loções corporais.

O que o colágeno faz pela sua saúde?

Como você leu na seção anterior, o colágeno é essencial para um corpo saudável. Mas faz mais do que apenas “manter o corpo unido”, promove a saúde em todos os tipos de áreas. Os benefícios mais importantes do colágeno são:

Mantém a pele e o cabelo em bom estado : à medida que envelhece, diminui a produção natural de colagénio no seu corpo, com pêlos sem vida, rugas e uma pele flácida e mais fina. Se você obtiver colágeno suficiente, certifique-se de que este processo está atrasado para que sua pele e cabelo fiquem radiantes e firmes novamente. Além disso, o colágeno pode ajudar a reduzir a celulite e as estrias.

Disfunção erétil e impotência – diferenças

A disfunção erétil e a impotência são freqüentemente confundidas. Enquanto a impotência é geralmente uma condição mais permanente, a disfunção erétil é um distúrbio sexual temporário que faz com que os homens se tornem inflamados na área íntima. Este último geralmente reflete sobre a incapacidade de manter uma ereção firme, que é causada por causas psicogênicas ou orgânicas, e muitas vezes também por causa daquelas associadas a um estilo de vida específico.

Disfunção erétil em jovens e idades

Embora a disfunção erétil psicogênica seja mais comum em homens mais jovens, os outros dois afetarão os idosos. A razão para o primeiro normalmente é o medo de desempenho insuficiente no quarto, resultando em uma ereção muitas vezes não é forte o suficiente para um bom relacionamento sexual, enquanto no abrigo de solidão com a ajuda de homens masturbação quase sempre conseguir uma ereção totalmente duro. No caso de problemas de disfunção eréctil orgânicos geralmente ocorrer devido a doenças e hábitos que levam a uma ruptura dos vasos sanguíneos, o pobre erecção mas também afectados fortemente pela falta de actividade física, o tabagismo e o consumo excessivo de álcool e drogas, e para melhorar o estado da montagem de extrema importância para a referida você minimiza os fatores e parte do problema será resolvido desde o começo!

Causas

A disfunção erétil é caracterizada por problemas com o estabelecimento e manutenção de uma ereção e uma diminuição no desejo de sexualidade. Este último pode ser o resultado de vários fatores que dificultam a penetração do sangue no pênis, mas, apesar da ereção leve ou insuficiente do último, isso não significa que o homem não esteja excitado. Pelo contrário, sua excitação pode ser notavelmente grande, mas a ereção é enfraquecida pelo dano das artérias penianas, que, devido à falta de abertura, impedem um bom fluxo de sangue.

Problemas sexuais masculinos são causados ​​por disfunção erétil

Nem todos os problemas sexuais masculinos são causados ​​por disfunção erétil . Outros problemas de disfunção sexual masculina incluem:

ejaculação prematura

ejaculação retardada ou sua ausência

falta de desejo por relação sexual

Disfunção erétil e todos os seus sintomas

Os seguintes sintomas apontam para potenciais problemas potenciais:

um problema em conseguir uma ereção sólida

o problema da ereção do pênis erétil durante a relação sexual

reduzido interesse nas relações sexuais

Outros transtornos relacionados ao DE incluem:

ejaculação prematura

ejaculação retardada

anorgasmia, isto é, a incapacidade de atingir o orgasmo e após estímulo abundante

O que causa o ED?

Existem muitas causas possíveis de impotência e podem incluir distúrbios físicos e emocionais.

Algumas causas comuns são:

doença vascular e cardíaca

hipertensão arterial

aumento de gordura no sangue

as conseqüências do câncer ou cirurgia operatória ou cirúrgica

ferimento

obesidade ou excesso de peso corporal

idade da vida

estresse

ansiedade

diabetes

problemas relacionados

uso de drogas

álcool

fumador

A disfunção erétil pode ser causada por mais de um agente , não apenas um. Portanto, é importante cooperar com o seu médico, que pode ser excluído como causa de qualquer um desses possíveis agentes, ou determinar o tratamento.

O que causa uma ereção?

A ereção ocorre como resultado do aumento do fluxo de entrada e do fluxo sanguíneo para os órgãos sexuais. A quantidade de sangue é estimulada por pensamentos ou toques sexuais.

Quando um homem fica sexualmente excitado, os músculos dos órgãos sexuais relaxam . Este relaxamento permite maior fluxo de entrada e fluxo sanguíneo para o pênis. Esse sangue preenche as duas câmaras dentro do pênis chamadas corpos cavernosos. Como estas câmaras estão cheias de sangue, ocorre uma ereção . A ereção pára quando os músculos são comprimidos e o sangue acumulado pode ser facilmente descarregado pelas veias.

A disfunção erétil pode ocorrer devido a problemas em cada estágio da ereção . Por exemplo, pode haver artérias danificadas no pênis, e elas não abrem ou vazam sangue adequadamente.

Disfunção sexual na infecção pelo HIV (gênero entre parênteses)

Viver por anos com o HIV, uma doença infecciosa com risco de vida, pode colocar uma pressão sobre a saúde das pessoas, carreira e vida social, finanças, independência, moral, auto-estima e relações sexuais. . Várias causas, muitas vezes emaranhadas, podem ser responsáveis ​​por essas disfunções sexuais.

A disfunção sexual (SD) inclui distúrbios da libido, ereção, ejaculação, orgasmo e dor durante a relação sexual. Sua frequência na infecção pelo HIV é significativa (entre 20 e 75%, dependendo da fonte). Os distúrbios sexuais podem ser causados ​​pelo impacto psicológico da natureza sexualmente transmissível do HIV (culpa, medo de contaminar), pela diminuição de certos hormônios, pela depressão, pelos tratamentos. Possíveis deficiências vitamínicas e minerais podem agravar a situação. Uma causa mais geral diz respeito aos hábitos de vida. Fumantes são quatro vezes mais propensos a ficarem “indefesos” do que os não-fumantes. O monóxido de carbono (CO) tem um efeito vasoconstritor significativo. Este gás espasma as artérias, estreita o calibre, diminuindo assim o fluxo sanguíneo no pênis e lubrificação nas mulheres. Deficiência de vitaminas do álcool B, necessária para a sexualidade e reduz o nível de testosterona, um dos motores da libido. Falta de exercício e “dieta pobre” – muito doce, muito oleosa, muito carnuda (carne contém adrenalina, secretada por animais antes da morte) – completa esta lista negra de libido e “performance” “.

Fisiologia da ereção

A ereção é um fenômeno complexo que envolve os mecanismos vasculares do tecido pélvico e peniano sob controle neuropsíquico (sistema nervoso central e periférico) e modulado por esteroides sexuais. Esses diferentes mecanismos intervêm em cascata.

O pênis contém dois corpos cavernosos, consistindo de espaços sinusoidais, ou cavernas, que se enchem de sangue durante a ereção, e um corpo esponjoso, atravessado pela uretra, que termina na glande.

No estado flácido (macio), células do músculo liso na parede das artérias penianas e partições sinusóides são contraídos, o influxo arterial é baixo e sinusóides permanecer vazio. As veias fornecem retorno venoso normal. Durante a ereção ocorre o relaxamento das células musculares lisas responsáveis ​​pela vasodilatação arterial, o que aumenta o enchimento dos sinusóides. O influxo de sangue arterial para essas cavidades, ao dilatá-las, bloqueia o retorno venoso, que provoca o inchaço do pênis, reforça sua rigidez e sua recuperação.

Quando alguém fala de impotência?

O que é impotência exatamente? No início, uma definição mais precisa do termo é apropriada. Do ponto de vista médico, fala-se de impotência quando, durante um período de 6 meses, mais de 70% das tentativas de se tornarem sexualmente ativas fracassam.

Quais problemas podem causar impotência em um relacionamento?

A impotência geralmente não é apenas um fardo psicológico para o próprio homem, mas também para seu parceiro. Ambos os lados podem lidar com isso de maneira diferente.

Como os homens lidam com sua impotência

A impotência é para o homem um tópico que, compreensivelmente, corrói sua autoconfiança. Alguns homens, portanto, tendem a ficar em silêncio e não abordam o problema. Outros homens tentam cobrir sua incerteza. Esse comportamento sofre de comunicação na parceria, o que pode causar o relacionamento esfriar.

Como as mulheres lidam com o problema de potência do parceiro

As mulheres lidam com os problemas de potência de seus parceiros de maneira bem diferente. Muitas mulheres ficam perplexas quando percebem que o marido não consegue realizar o que ele imagina e, portanto, está insatisfeito. Alguns buscam suas próprias razões e começam a duvidar de sua beleza, carisma ou atratividade. As mulheres geralmente entendem que a impotência de seu parceiro é uma questão sensível e que exercer pressão sobre ele não melhora a situação, mas pode fazer o oposto.

O que pode não ser um grande problema para a mulher no começo, já que ela pode sentir a proximidade de seu parceiro mesmo com toques suaves e afagos, pode então se tornar um grande problema por um longo período de tempo. Se o homem está tão insatisfeito consigo mesmo que evita qualquer proximidade física com a mulher, ela acabará se frustrando. Se a situação não melhorar durante anos, a insatisfação e as brigas no relacionamento são inevitáveis.

A disfunção eréctil – comumente conhecida como impotência – é um dos problemas mais comuns que os homens têm de lutar por um câncer de próstata. Ele não apenas arranha a auto-imagem masculina, mas também influencia a parceria, a sexualidade e a qualidade de vida. Especialmente depois de cirurgia , a prostatectomia radical , a disfunção eréctil não é incomum. Tão experiente quanto um cirurgião é: há um risco de ele ferir nervos e vasos sangüíneos durante a cirurgiaque são importantes para uma ereção normal. Além disso, o pênis pode encurtar após a cirurgia. E radioterapia, muitas vezes enfraquece a potência também.

Drogas eficazes para a impotência

Tratamento de impotência

Nos últimos anos, drogas eficazes para a impotência vieram. Eles melhoram a ereção, mas não curam a causa dos sintomas.

drogas

Existem drogas que afetam o músculo peniano e os vasos sanguíneos. Eles facilitam a ereção se você ficar sexualmente excitado.

Leia mais sobre medicamentos recomendados clicando no link no canto superior direito.

acessibilidade

Uma bomba de vácuo facilita o fluxo de sangue para o pênis. O pênis é inserido em um cilindro de plástico que é conectado a uma pequena bomba de sucção. Quando o ar é sugado para fora do tubo, o sangue flui para o pênis e endurece. Quando a rigidez do pênis é colocada em uma faixa de borracha macia na raiz do pênis para segurar o sangue ao remover a própria bomba.

Se nenhum outro tratamento funcionar, implantes penianos podem ser necessários. É uma prótese que é operada no pênis. Existem vários tipos de próteses, semi-sólidas e próteses que podem regular o grau de rigidez. Com a maioria das pessoas sendo ajudada por drogas, raramente há necessidade de uma operação.

A impotência masculina ou disfunção erétil é a incapacidade do homem de atingir ou manter uma ereção suficiente para inserir o pênis na vagina e ter relações sexuais.

A disfunção erétil não inclui transtornos sexuais tão frequentes como ejaculação rápida, diminuição do desejo sexual e infertilidade masculina. A disfunção erétil é um problema sério na sociedade moderna, afeta significativamente a qualidade de vida dos homens que sofrem com isso.

O início da disfunção erétil depende diretamente da idade e do estilo de vida.

Para homens entre as idades de 20 e 40 anos, a média é de 3 a 7%, entre 40 e 60 anos – 15 a 40%, mais de 70 anos – até 50% do total de homens. A idade em si não causa disfunção erétil. No entanto, com a idade, várias doenças (arteriosclerose, diabetes mellitus, etc.) ocorrem frequentemente, o que pode ser a causa direta da impotência.

Para entender as causas da impotência, é útil saber como ocorre fisicamente uma ereção. A tensão peniana ou ereção ocorre devido aos corpos cavernosos (cavernosos), que estão localizados dentro do pênis e têm a estrutura de uma esponja celular. No processo de excitação sexual, os homens, o cérebro através da medula espinhal e mais ao longo dos nervos periféricos, enviam sinais aos corpos cavernosos, desencadeando a liberação de vasodilatadores neles. Como resultado, o influxo de sangue arterial para os corpos cavernosos aumenta significativamente. Ao mesmo tempo, ocorre um estreitamento das veias no pênis, reduzindo assim o fluxo de sangue a partir dele. A combinação do aumento do fluxo sanguíneo para o pênis com uma diminuição na sua saída leva a uma ereção completa.

Se você é sério sobre a perda de peso

Pule o açúcar refinado

Se você é sério sobre a perda de peso, então você deve evitar todos os tipos de açúcar rápido refinado, como doces, bolos e refrigerantes. Pode parecer estranho nas primeiras semanas, mas seu vício vai acabar e vai se sentir mais fácil.

O açúcar rápido só faz com que o açúcar no sangue suba na montanha-russa, o que faz com que você se sinta cansado e com fome rapidamente.

No começo, quando é mais difícil não comer açúcar, pode ser bom ter um plano para o que comer quando a ânsia vier. Por exemplo, tem nozes, chocolate preto real ou alguma fruta, como morangos em casa.

Quantas calorias devo comer?

Descendo cerca de um quilo por semana é uma boa estratégia para uma perda de peso sustentável. Para isso, é necessário um déficit de cerca de 500 calorias (kcal) por dia.

O número de calorias que você gasta por dia difere muito de pessoa para pessoa. Depende do sexo, idade, tamanho do corpo e atividade.

No entanto, há uma estimativa geral da ingestão de energia recomendada:

As mulheres geralmente queimam entre 1800 e 2400 calorias (kcal) por dia. Para perder peso de forma saudável, você deve pelo menos descer para 1500 calorias por dia.

Os homens costumam queimar entre 2300 a 3100 calorias por dia. Para perder peso de forma saudável, você deve pelo menos descer para 1800 por dia.

Pesar as calorias certas

Também é importante que você escolha as calorias certas – porque você não pode comer tantas delas. Portanto, escolha as calorias que você mede e que são saudáveis ​​para o seu corpo.

Por exemplo, é mais provável que você consiga comer um déficit calórico se escolher muitos vegetais, proteínas e a forma correta de carboidratos. Isso ocorre porque esses alimentos fazem você ficar mais tempo e manter seu nível de açúcar no sangue.

Se você comer exatamente o mesmo número de calorias na forma de dez bolas de chocolate ao longo do dia, terá exatamente o mesmo déficit de energia. No entanto, o risco é muito grande que você não fique em dez bolas de chocolate ao longo do dia. Seus músculos também serão quebrados.